quarta-feira, 7 de setembro de 2011

SYMPATHIA




Sympathia - é o sentimento

Que nasce n'um só momento,

Sincero, no coração;

São dous olhares accesos

Bem juntos, unidos, presos

N'uma magica attracção.

. . . . . . . . . . . . .

Sympathia - meu anjinho,

E' o canto do passarinho,

E' o doce aroma da flôr;

São nuvens d'um céo d'agosto

E' o que m'inspira teu rosto...

- Sympathia - é - quasi amor!





CASIMIRO DE ABREU






4 comentários:

  1. Oi bom dia, obrigado pela visita ao blog paixao e carinho, sobre a pergunta do texto, não não é meu o texto, desconheço o autor, seu blog é fascinante parabens lindos textos.
    bjs no coração
    Vandelei

    ResponderExcluir
  2. Que bom ler Casimiro amiga!!!

    Se eu tenho de morrer na flor dos anos
    Meu Deus! não seja já;
    Eu quero ouvir na laranjeira, à tarde,
    Cantar o sabiá!



    Quem não se lembra deste nosso poeta...
    brasileiríssimo...

    beijos...

    ResponderExcluir
  3. Bom dia amiga
    Vim agradecer a sua linda e tao amavel visita ao meu cantinho, sela sempre muito bem vinda ao mundo magico do Coração.
    Muito obrigada pelo carinhoso comentário.
    Lhe desejo muita força para a sua cainhada como blogueira e para viver sua vida com muita serenidade e paz.
    Se quiser me enviar a criança vestida de anjinho eu colocarei no meu cantinho com muita alegria.
    envie para meu e-mail.alicefdesa@gmail.com
    tenha uma linda semana
    abraço amigo
    maria Alie

    ResponderExcluir
  4. .


    J.G.de Araújo Jorge.
    Ah, meu poeta desde menino
    tão querido.
    "Que saudade do trem sumindo
    ligeiro lá na curva como um
    sonho bonito que se vai"...


    silvioafonso








    .

    ResponderExcluir